Estudo retrospectivo de casos cirúrgicos de criptorquidismo equino no noroeste do Paraná*

Resumo O criptorquidismo em equinos é uma afecção relativamente comum sendo caracterizada pela falha na descida de um ou ambos os testículos da cavidade abdominal para a bolsa escrotal. O objetivo desta pesquisa foi obter dados clínico-cirúrgicos do criptorquidismo em cavalos determinando-se a frequência e distribuição da afecção com interesse na raça, idade, classificação da retenção e procedimento cirúrgico utilizado no tratamento. Para tanto utilizaram-se dados do tratamento cirúrgico de 55 cavalos criptorquidas da região noroeste do Paraná, de variadas raças e idades. O acesso cirúrgico para orquiectomia nos criptórquios abdominais foi realizado através da laparotomia parainguinal direita ou esquerda seguida da remoção do testículo da cavidade e nos criptórquios inguinais, a gônada afetada foi removida por orquiectomia inguinal. O pós-operatório consistiu em ducha com água corrente e curativo diário da ferida cirúrgica e todos os animais foram mantidos no hospital veterinário por 14 dias. Concluiu-se que a frequência da afecção foi elevada em cavalos da raça Quarto de Milha, que totalizou 42 dos 55 casos atendidos e a forma mais frequente de criptorquismo observada nos animais desse levantamento foi a abdominal unilateral esquerda, com 28 casos equivalendo a 50,9% de todos os animais.

Autor:  Max Gimenez Ribeiro,** Luciana Vieira Pinto Ribeiro,*** Jéssica Rodrigues da Silva,**** Guilherme Paes Meirelles*****

Veja o artigo na íntegra: http://www.uff.br/rbcv/ojs/index.php/rbcv/article/view/620/pdf_1