Estudo retrospetivo de laringoplastia prostética e ventriculocordectomia como tratamento cirúrgico da hemiplegia laríngea em cavalos

Resumo : A hemiplegia laríngea é a causa mais comum de ruídos respiratórios anormais e da diminuição do desempenho desportivo em cavalos. Esta condição surge pela axonopatia degenerativa distal progressiva dos nervos laríngeos recorrentes.O nervo laríngeo recorrente esquerdo é o mais frequente e gravemente afetado. Clinicamente ocorre o colapso da cartilagem aritenoide e respetiva corda vocal, como resultado da atrofia neurogénica e consequente disfunção dos músculos intrínsecos da laringe, inervados por este nervo. A disfunção do músculo cricoaritenóideo dorsal incapacita a abdução da cartilagem aritenoide, advindo dessa condição um ruído inspiratório similar a um assobio e uma menor capacidade cardiorrespiratória.

Autora: Flávia Alexandra de Castro Poças

Veja o artigo na íntegra: http://repositorio.utad.pt/bitstream/10348/5501/1/msc_facpo%C3%A7as.pdf